sábado, 5 de julho de 2008

Modulando as freqüências


Será que foi a conversa de ontem
A retrospectiva de anteontem
O figurado tapa na cara
Os trechos inacabados do Godard
As linhas de Thompson
O instrumental de Amélie Poulain
O som de Olhos nos olhos
Ou os passos circundantes?
Mas, eis que surge
A metamorfose de Kafka
Com sua percepção do outro lado da janela
E seu ‘Foda-se você’ pronto para ser dito.

3 comentários:

Rikardo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rikardo disse...

Este texto está bem 'cult', adorei...

Alexandre Fernandes disse...

Bom de ler hein!

Beijo