terça-feira, 5 de agosto de 2008

Topa um flerte?

É agora:
Meu pensamento e sua habilidade.
No xadrez conjugal ou sob o flerte intelectual?
Você escolhe!
Ambos são guiados pelo êxtase orgíaco.
A palavra felina vem e enlaça a faceira e solteira menina

A inspiração nasce da neblina agostiana
Neblina gelada e instigante
Que presencia os trocadilhos tácitos e estimulantes.


Imagem: Blog Os Xupacabras

8 comentários:

Danilo disse...

Seria ilógico não aceitar tão estimulante duelo sensorial.
A delicadeza dos seus toques
estão à altura de tais palavras,
que flamejam pelo meu ser.

Beline disse...

Os trocadilhos tácitos e estimulantes...rs O que mais em palavras tão doces!?

Danilo disse...

Sombrio e sensual "A palavra felina vem e enlaça a faceira e solteira menina", adorei essa imagem!

Blog Esponja disse...

Parabéns pelas poesias.
E flertar é sempre muito bom.
Um jogo de sedução muito gostoso que parece não ter fim.

Blog Esponja ®
www.blogesponja.net

Heitor Evo disse...

gostei desse texto mesmo num tendo entendido muito

mas to com a cabeça em outro lugar então

Lin disse...

Sem comentários Lisi!
Adorei!

** o meu texto sobre aquela noite já está no ar. Mei assim assim, mas já esta lá! Bjs

grugo disse...

flerte...com vc ? não precisa nem perguntar... tem que acontecer .. se não acontecer é uma puta falta de atenção e desgosto por tão singela beleza..

Alexandre Fernandes disse...

Além do que vê!